InicioAtualidadeFamílias estão no centro das prioridades de Miguel Brito na área social

Famílias estão no centro das prioridades de Miguel Brito na área social

Iniciar um novo paradigma no apoio social, focado em dar condições para as famílias viverem com melhor qualidade de vida, é o objetivo central do programa do candidato do PS à Câmara Municipal do Porto Santo na vertente social. Miguel Brito quer mudar a política social assistencialista e dar lugar a uma nova política que crie oportunidades com justiça e inclusão social.

A implementação de um programa de apoio à natalidade e à família é uma medida que Miguel Brito considera prioritária. “No novo ciclo que queremos iniciar a partir do dia 26 de setembro é fundamental dar condições para que as famílias possam viver com bem-estar no presente e no futuro. Entendemos que a autarquia deve ter um papel ativo em tornar o concelho atrativo para as famílias, dando-lhes condições para que possam construir e desenvolver o seu projeto de vida com bem-estar e qualidade de vida”.

Para concretizar o objetivo de fazer do Porto Santo a melhor ilha para se viver, o candidato do PS aposta na implementação de um programa de apoio à natalidade e à família, que prevê um conjunto de medidas, como a atribuição de uma subvenção à natalidade, até aos três anos de idade, a comparticipação na mensalidade da creche e jardim-de-infância bem como em despesas de saúde e alimentação para crianças e jovens e apoio à compra de manuais e material escolar.

“Um Porto Santo com Futuro terá de ser um concelho que dê confiança às famílias, que as ajude aliviando encargos e apoiando na educação, uma área fundamental para termos uma nova geração melhor preparada e motivada para fazer do Porto Santo uma terra melhor. É isso que nos propomos fazer, apoiando as famílias de uma forma estruturada e com critérios claros e objetivos, sempre com a preocupação de reforçar o sentimento de pertença ao nosso concelho”, acrescenta Miguel Brito.

O candidato do PS deixa uma mensagem de confiança aos porto-santenses nesta reta final da campanha eleitoral. “Peço um voto de confiança no projeto que lidero para que possamos, em conjunto, tornar o Porto Santo um concelho mais dinâmico, atrativo e inclusivo. É possível ambicionar mais para a nossa terra, é possível fazer mais e melhor do que tem sido feito até agora. Peço aos porto-santenses que atribuam esse mandato ao PS no próximo domingo”, conclui Miguel Brito.

X