Atualidade

DAR MAIS FORÇA AO PS JUNTO DO GOVERNO DA REPÚBLICA PARA CONSOLIDAR O PERCURSO DE APOIO ÀS AUTONOMIAS
03.10.2019

DAR MAIS FORÇA AO PS JUNTO DO GOVERNO DA REPÚBLICA PARA CONSOLIDAR O PERCURSO DE APOIO ÀS AUTONOMIAS

O presidente do Partido Socialista, Carlos César, participou, esta manhã, juntamente com os candidatos do PS-M à Assembleia da República, numa iniciativa de contacto com a população e os comerciantes no centro do Funchal. O responsável, que desde ontem se encontra na Região para manifestar o apoio à candidatura socialista, considerou que os madeirenses têm boas razões para votar no PS nas eleições do próximo domingo, lembrando que ao longo destes quatro anos o Governo da República foi atento às questões regionais e destacando que houve deputados que foram «especialmente ativos», particularmente Carlos Pereira.

Reconhecendo que em todos os governos da República e em todos os partidos a nível nacional «há um vírus centralista que não deixa de existir, mesmo no PS também», Carlos César disse, contudo, que «o Governo de António Costa é o Governo onde essa virose é menor» e que «isso é muito bom termos em consideração e é também um fator de confiança para nós termos mais força junto do Governo da República para afirmar as prerrogativas regionais e para consolidar este percurso que tem sido feito, que é um percurso de apoio às autonomias». «É muito importante o voto no PS na Madeira, quer por parte dos socialistas, quer por parte daqueles que, não o sendo, reconhecem no Governo de António Costa um amigo e uma frente solidária», vincou Carlos César.

Por seu turno, o cabeça de lista do PS-Madeira destacou aquilo que foi conseguido nos últimos quatro anos, afirmou ser necessário que os madeirenses compreendam a importância de «não travar» tudo aquilo que foi feito e sublinhou que este esforço tem de ser continuado. «A nossa agenda política para os próximos quatro anos é continuar a fazer aquilo que fizemos no passado e reforçar ainda mais, no sentido de dar à Madeira as soluções que ainda não aconteceram. Somos nós o partido que está mais preparado para defender a Madeira, para abrir portas em Lisboa, para assegurar que os dossiês que estão para resolver podem ser resolvidos», vincou Carlos Pereira.

Tendo em conta que quem vai governar a Madeira serão o PSD e o CDS, Carlos Pereira refere que esta é uma razão acrescida para dar força ao PS, «para ajudar a que, com diálogo, com negociação, com bons argumentos e sem gritaria, se possa trazer coisas boas para a Madeira».

PS-M DESTACA REFORÇO DA CONFIANÇA NO PARTIDO E AFIRMA-SE COMO FORÇA ALTERNATIVA
22.10.2019

PS-M DESTACA REFORÇO DA CONFIANÇA NO PARTIDO E AFIRMA-SE COMO FORÇA ALTERNATIVA

A Comissão Regional do Partido Socialista-Madeira reuniu-se, esta tarde, pela primeira vez após as eleições legislativas regionais e nacionais, tendo destacado o aumento substancial da votação no partido nestes atos eleitorais. «Temos hoje mais PS na Assembleia da República, temos mais PS na Assembleia Legislativa Regional», congratulou-se o presidente da Comissão Regional.

PS ASSUME PRESIDÊNCIA DAS COMISSÕES DE SAÚDE, EQUIPAMENTO SOCIAL E POLÍTICA GERAL
22.10.2019

PS ASSUME PRESIDÊNCIA DAS COMISSÕES DE SAÚDE, EQUIPAMENTO SOCIAL E POLÍTICA GERAL

O Grupo Parlamentar do Partido Socialista (PS) terá a seu cargo as presidências das Comissões Especializadas Permanentes de Saúde e Assuntos Sociais, do Equipamento Social e Habitação e a de Política Geral e Juventude, com os deputados Élvio Jesus, Avelino Conceição e Jacinto Serrão a assumirem respetivamente os cargos.

CARLOS PEREIRA: «É PRECISO DAR FORÇA AO PS PARA RESOLVER OS PROBLEMAS DA MADEIRA»
04.10.2019

CARLOS PEREIRA: «É PRECISO DAR FORÇA AO PS PARA RESOLVER OS PROBLEMAS DA MADEIRA»

A candidatura do PS-M às eleições para a Assembleia da República terminou a campanha eleitoral com um jantar-comício com cerca de 450 militantes e apoiantes, no Funchal.

Um momento em que o cabeça de lista, que também foi deputado na legislatura passada, lembrou que nos últimos quatro anos só houve um partido que defendeu a Madeira – o PS. «Nesta fase final da campanha, é importante lembrar aos madeirenses que é preciso voltar a dar força ao PS, dar ainda mais força do que já tivemos, para resolver os problemas da Madeira», afirmou Carlos Pereira.

PS TEM DE SER O PARTIDO MAIS VOTADO PARA AJUDAR A RESOLVER OS PROBLEMAS DA MADEIRA
04.10.2019

PS TEM DE SER O PARTIDO MAIS VOTADO PARA AJUDAR A RESOLVER OS PROBLEMAS DA MADEIRA

O cabeça de lista do Partido Socialista-Madeira às eleições para a Assembleia da República defendeu, hoje, a importância de o partido ser o mais votado, para poder ajudar a resolver os problemas da Região.

Carlos Pereira, que falava durante um almoço que contou com cerca de 200 militantes e apoiantes da candidatura, em Câmara de Lobos, disse que os madeirenses não podem arriscar a votar em partidos que elegem deputados que não defendem a Madeira.

«O PS-MADEIRA PRECISA DE FORÇA JUNTO DO GOVERNO DA REPÚBLICA» PARA FAZER VALER OS INTERESSES DA REGIÃO, APELA CARLOS CÉSAR
02.10.2019

«O PS-MADEIRA PRECISA DE FORÇA JUNTO DO GOVERNO DA REPÚBLICA» PARA FAZER VALER OS INTERESSES DA REGIÃO, APELA CARLOS CÉSAR

O presidente do Partido Socialista apelou hoje ao voto para que o PS-Madeira possa ter mais força junto do Governo da República, de forma a fazer valer os interesses da Madeira. Carlos César falava esta noite na Ponta do Sol, durante um jantar-comício que contou com cerca de 200 militantes e apoiantes da candidatura às eleições legislativas nacionais do próximo domingo.
«O PS-MADEIRA TEM DE SER O GUARDIÃO DA AUTONOMIA» NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA
01.10.2019

«O PS-MADEIRA TEM DE SER O GUARDIÃO DA AUTONOMIA» NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

A candidatura do PS-Madeira às eleições para a Assembleia da República apresentou, esta tarde, os seus compromissos para a próxima legislatura, o primeiro dos quais a defesa da Autonomia.

Na sessão, que teve lugar no Fórum Machico, o cabeça de lista deu conta das conquistas alcançadas pelos deputados do PS na passada legislatura, sendo que a candidatura parte para os próximos quatro anos com esta “herança” de que cumpre aquilo que promete.

Acção Socialista