1

PAULO CAFÔFO EM LONDRES PARA REFORÇAR LAÇOS COM COMUNIDADES MADEIRENSES

O candidato socialista às Eleições Regionais de 2019, Paulo Cafôfo, deslocou-se a Londres para três dias de encontros com dirigentes de associações portuguesas e, em particular, para contacto e identificação das necessidades dadas a conhecer de viva voz pela comunidade madeirense.

Paulo Cafôfo aproveitou a viagem para reforçar os laços já existentes com a comunidade madeirense estabelecida em Inglaterra que o recebeu de braços abertos e com uma vontade notória de o ver à frente dos destinos das Região já a partir do próximo ano.

Foram várias as ideias e propostas apresentadas por Paulo Cafôfo ao longo de toda a visita, desde uma mudança radical no tratamento aos emigrantes madeirenses à reforma do SESARAM, sem deixar de ouvir o que os madeirenses tinham para lhe dizer, sempre com uma mensagem de esperança e positiva.

Apesar da forma calorosa como foi recebido, Paulo Cafôfo não deixou, no entanto, de falar de assuntos sérios e das mudanças que considera necessárias para melhorar a vida de todos os madeirenses pelo mundo fora. O candidato do PS-M defende a criação de um diretor regional para as Comunidades Madeirenses e a eleição de Conselheiros de modo a que a comunidade emigrante se sinta representada no país de origem. Paulo Cafôfo defendeu a importância de uma revisão da Lei Eleitoral de modo a permitir à comunidade madeirense votar nas Eleições Regionais. “São madeirenses e devem ter o direito de eleger os seus representantes”, afirmou.

Quanto àqueles que guardam o desejo de regressar à ilha, o candidato afirma ser necessário inverter o atual modelo económico de forma a ser possível estancar o fluxo de emigração e criar condições para fixar as famílias.

“Temos de receber quem quer voltar e não deixar sair quem quer ficar”, disse Paulo Cafôfo, considerando que entre as medidas a implementar no seu programa eleitoral está uma forte aposta na formação e na educação.

Já no último dia de visita a terras de Sua Majestade, Paulo Cafôfo aproveitou para defender uma “profunda reformulação no sector da saúde regional” onde a aposta é na valorização e na fixação dos profissionais da área.

“Nem tudo está mal, é um facto, e não tenho a intenção de derrubar tudo e até existem áreas que funcionam bem, agora, de um modo geral não basta derramar dinheiro no sector”, declarou o candidato para quem a tónica deve estar, em primeiro lugar, na resolução das listas de espera.

redes sociais

PS Nacional

ps

 

agenda

acção socialista | digital

 

militante

 

Vídeos

 

newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter para saber as últimas novidades!