A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«O futuro da Madeira começou hoje. Vamos todos arregaçar as mangas!»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«A nossa marca é a proximidade e o envolvimento dos cidadãos, da sociedade civil, na construção de um futuro comum»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Nós não queremos mudar o poder pelo poder. Temos uma estratégia de desenvolvimento para a Região assente numa agenda social, humanista, progressista, mas que quer, acima de tudo, mudar aquilo que tem sido um paradigma de um governo Regional que tem governado para o partido, tem governado para alguns interesses, não tem governado para o coletivo»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Temos uma Região que não tem petróleo nem diamantes, mas temos as pessoas, pessoas que querem concretizar sonhos, construir o futuro, que são trabalhadoras, empreendedoras e resilientes. É nestas pessoas, na sua educação, que nós devemos apostar, na qualificação da nossa população, porque esse é e será o principal fator de desenvolvimento»
1

VICTOR FREITAS ACUSA O PSD DE NÃO CUMPRIR A PROMESSA DO FERRY

Os deputados do PS da Assembleia Legislativa da Madeira reiniciaram, hoje, os trabalhos parlamentares, apreciando na generalidade um projeto de resolução que visa “exigir que o Governo da República assuma, em conjunto com o Governo Regional, a linha de transporte marítimo de passageiros entre a Madeira e o continente durante todo o ano”.

O líder parlamentar do PS, Victor Freitas, argumentou que o PSD voltou a usar “a tática de ataque ao Governo da República” também nesta matéria, apontando que, “se não há subsídio de mobilidade, é porque o Governo Regional interrompeu as negociações com a República”.

Victor Freitas considerou que o problema principal é não haver uma terceira companhia, uma vez que este modelo de subsídio de mobilidade é muito mais favorável para os madeirenses.

Refira-se que no seguimento da posição que tomou na preparação do Orçamento do Estado para 2019, e como tem sido defendido publicamente por Paulo Cafôfo, o PS-M, através do seu grupo parlamentar vai apresentar na Assembleia Legislativa uma proposta para a construção de um pacto autonómico para a continuidade territorial, onde se estabeleça um consenso entre todos os partidos sobre os deveres do Estado, seja do Governo da República, para a mobilidade dos residentes na Madeira e Porto Santo.

Por outro lado, o líder parlamentar do PS acusou a maioria social-democrata de não ter cumprido a promessa de ferry todo o ano, ao contrário do que apresenta "em cartazes espalhados por todo o lado". Victor Freitas também imputou o PSD de, ao quebrar as negociações com Lisboa, impedindo a aprovação de subsídio de mobilidade para as viagens marítimas.

Já o deputado Jaime Leandro desafiou o PSD, a apresentar uma proposta para, na Região, voltar a ser aplicado o diferencial fiscal que permite reduzir as taxas de impostos até 30%.

redes sociais

acção socialista | digital

 

militante

 

Vídeos

 

newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter para saber as últimas novidades!