A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«O futuro da Madeira começou hoje. Vamos todos arregaçar as mangas!»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«A nossa marca é a proximidade e o envolvimento dos cidadãos, da sociedade civil, na construção de um futuro comum»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Nós não queremos mudar o poder pelo poder. Temos uma estratégia de desenvolvimento para a Região assente numa agenda social, humanista, progressista, mas que quer, acima de tudo, mudar aquilo que tem sido um paradigma de um governo Regional que tem governado para o partido, tem governado para alguns interesses, não tem governado para o coletivo»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Temos uma Região que não tem petróleo nem diamantes, mas temos as pessoas, pessoas que querem concretizar sonhos, construir o futuro, que são trabalhadoras, empreendedoras e resilientes. É nestas pessoas, na sua educação, que nós devemos apostar, na qualificação da nossa população, porque esse é e será o principal fator de desenvolvimento»
1

PS QUER OUVIR SECRETÁRIA DO TURISMO E GUIAS-INTÉRPRETES

Face às informações vindas a público, que dão conta da falta de fiscalização dos profissionais que exercem a profissão de guia-intérprete, o Grupo Parlamentar do PS deu entrada, na Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, a um pedido de audição dirigido à secretária regional do Turismo e Cultura, Paula Cabaço, e ao Sindicato dos Guias-Intérpretes.

O deputado Jaime Leandro justifica este pedido de audição tendo em conta as informações vindas a público, que dão conta da falta de fiscalização dos profissionais que exercem a profissão de guia-intérprete, alguns dos quais não têm qualificações bastantes para o efeito, colocando em causa a qualidade profissional e a leal concorrência.

Esta posição é também tomada considerando as falhas de segurança denunciadas pelos guias-intérpretes profissionais nos percursos recomendados e as falhas na informação e na vigilância, o desleixo na limpeza das bermas das estradas, jardins e outros percursos pedestres de interesse turístico, bem como a comercialização inadequada de souvenirs, situação incompatível com um destino de excelência.

Assim, o Grupo Parlamentar do PS-Madeira considera ser da máxima urgência que a secretária regional da tutela, Paula Cabaço, seja ouvida no Parlamento Regional, bem como o Sindicato dos Guias-Intérpretes, a fim de prestarem esclarecimentos sobre a matéria, pois a defesa da qualidade do destino Madeira a todos importa.


redes sociais

acção socialista | digital

 

militante

 

Vídeos

 

newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter para saber as últimas novidades!