Convenção Autárquica
«O PSD lembrou-se que tem de ganhar eleições e é agora, só neste momento, que estão a trabalhar para isso, enquanto nós estamos a trabalhar desde o primeiro momento pelas pessoas e não nos esquecemos disso»
Convenção Autárquica
«O PS não defende há muito tempo estas medidas que Miguel Albuquerque está a apresentar agora. O PS já executa estas medidas onde é poder. Essa é que é a grande diferença»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«O futuro da Madeira começou hoje. Vamos todos arregaçar as mangas!»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«A nossa marca é a proximidade e o envolvimento dos cidadãos, da sociedade civil, na construção de um futuro comum»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Nós não queremos mudar o poder pelo poder. Temos uma estratégia de desenvolvimento para a Região assente numa agenda social, humanista, progressista, mas que quer, acima de tudo, mudar aquilo que tem sido um paradigma de um governo Regional que tem governado para o partido, tem governado para alguns interesses, não tem governado para o coletivo»
A Madeira que queremos - Diálogos com Paulo Cafôfo
«Temos uma Região que não tem petróleo nem diamantes, mas temos as pessoas, pessoas que querem concretizar sonhos, construir o futuro, que são trabalhadoras, empreendedoras e resilientes. É nestas pessoas, na sua educação, que nós devemos apostar, na qualificação da nossa população, porque esse é e será o principal fator de desenvolvimento»
1

SOFIA CANHA É A CANDIDATA DO PS NA CALHETA

A vice-presidente do partido, Sofia Canha é a escolha do PS-Madeira para encabeçar a lista de candidatos à Câmara Municipal da Calheta, nas próximas eleições autárquicas. A ex-coordenadora do Sindicato dos Professores (SPM) e actual deputado na Assembleia Legislativa será uma das figuras do congresso autárquico do PS, marcado para 4 de Março, no Madeira Tecnopolo e onde já deverão estar todos os cabeças-de-lista dos 11 concelhos.

Sofia Canha, tem 46 anos, é professora de Inglês, licenciada em Línguas e Literaturas Modernas pela Universidade da Madeira e está a realizar um mestrado em Organização e Administração Escolar. Como docente, há vários anos que trabalha na escola da Calheta.

Foi também na defesa do ambiente e nas áreas sociais que se destacou, no concelho de onde é natural, ainda como independente. Condição em que concorreu às eleições autárquicas de 2009.

Sofia Canha assenta a sua candidatura em três vertentes. “Desenvolvimento social, com valorização da educação e cultura, desenvolvimento económico, com diversificação empresarial que crie mais oportunidades de emprego e desenvolvimento sustentado”.

A Calheta, afirma, é “um dos concelhos mais pobres do país e precisa de um novo rumo” que não pode manter “franjas sociais mais carentes e excluídas”.

Com a apresentação de Sofia Canha como candidata à Calheta, são já sete os candidatos concelhios que o PS-M já escolheu.

No Funchal, Paulo Cafôfo volta a receber o apoio socialista, tal como os presidentes das câmaras que o PS governa: Ricardo Franco (Machico), Emanuel Câmara (Porto Moniz) e Filipe Menezes Oliveira (Porto Santo). Para a Ribeira Brava foi escolhido Alano Gonçalves e Ricardo Catanho concorre em São Vicente. Ficam a faltar Santa Cruz, Câmara de Lobos, Ponta do Sol e Santana.

redes sociais

agenda

acção socialista | digital

 

militante

 

Vídeos

 

newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter para saber as últimas novidades!